[SERIES] THE WALKING DEAD :: Divulgado pôster de painel da Comic-Con!

Ah Lucille… =[

Fãs de The Walking Dead, preparem-se: Enquanto aguardamos anciosamente para descobrir o destino de qual de nossos personagens preferidos irá de encontro com Lucille, o canal AMC (responsável pela exibição oficial do show) divulgou através do site Entertaiment Weekly o pôster que será usado na Comic-Con de San Diego em 22 de Julho, evento o qual contará com a presença de Andrew Lincoln, Norman Reedus, Steven Yeun, Lauren Cohan, Danai Gurira, Chandler Riggs, Michael Cudlitz, Sonequa Martin-Green, Christian Serratos, Ross Marquand, Josh McDermitt e, claro, o responsável por dar vida ao vilão Negan, Jeffrey Dean Morgan. O elenco comentará os novos rumos do show ao reter o máximo de informações possíveis que estraguem eventuais surpresas.

Sem entregar muito, você confere abaixo a arte mostra o último momento de tensão assistido ao final da 6ª temporada do seriado sobre o apocalipse zumbi:

the-walking-dead-season-7-rick-lincoln-michonne-gurira-cci-key-art-1200-poster-2

Clique na imagem para ampliar

Tenso, né… Assim, finalizo com uma pergunta: Falta muito para Outubro? Essa sétima temporada promete! A série The Walking Dead será exibida pelo canal FOX, em tempo real com a exibição norte-americana.

Anúncios

[SERIES] AMÉM: Confira o trailer da série “O EXORCISTA”!

exorcista_2

Agora você terá um encontro com a Meghan toda semana. /o\

Por essa, ninguém esperava…! O canal norte-americano FOX lançou ontem (16) a promo de uma de suas novas – e aterrorizantes – apostas para a próxima temporada: O Exorcista (sim, é baseado no clássico cinematográfico de 1973)!

Confira a resenha da série, pelas palavras do Cine Pop:

Dirigido por Rupert Wyatt (‘Planeta dos Macacos: A Origem’), ‘O Exorcista’ é um thriller psicológico que acompanha dois padres muito diferentes que cuidam do caso de uma família que sofre de uma possessão demoníaca horrível. O padre Tomas Ortega (Alfonso Herrera, “Sense8”, “The Chosen”) é o novo rosto da Igreja Católica: progressivo, ambicioso e compassivo. Ele mora nos subúrbios de Chicago. Ele não tem ideia de que sua vida tranquila está prestes a mudar para sempre. Enquanto isso, do outro lado do mundo, um outro padre encontra-se trancado em uma luta de vida ou morte com o mal. O padre Marcus Brennan (Ben Daniels, ‘House of Cards’) é um moderno cavaleiro templário, um órfão criado desde a infância pelo Vaticano para fazer a guerra contra seus inimigos. O padre Marcus é tudo que o padre Tomas não é: implacável, abrasivo e totalmente consumido or sua sagrada missão. Eles logo são sugados pelo drama da família Rance, membros da paróquia de Tomas. Na superfície, eles são uma família normal, mas nem tudo é como parece nesta casa. O patriarca, Henry Rance (Alan Ruck) está enlouquecendo aos poucos. A filha mais velha, Katherine (Brianne Howe), tornou-se uma reclusa que se recusa a sair de seu quarto. Sua irmã mais nova, Casey (Hannah Kasulka), acha que ela está ouvindo barulhos estranhos vindos de dentro das paredes. E sua mãe Angela (Geena Davis) tem sido atormentada por pesadelos recorrentes, cada um mais assustador do que o anterior. Angela acredita que há algo na casa, uma presença demoníaca, cada vez mais forte a cada dia. Desesperada, ela implora ao Padre Tomas por ajuda. Separadamente, cada um enfrenta uma tarefa intransponível, mas juntos eles se tornam a única esperança contra uma força maligna que tem mobilizado durante séculos.

E se a história ainda não te convenceu, dá play na promo abaixo deste show que invadirá a telinha no início de 2017:

[FILMES] O elenco de “A Culpa é das Estrelas” desenha o que acreditam ser… amor!

Baseado no bestseller de sucesso, o filme “A Culpa é das Estrelas” (“The Fault In Our Stars”, 2014) mal chegou aos cinemas e já causa comoção. Ao conferir a estréia de “Malévola” (Confira a resenha AQUI), o trailer deste aqui passou e, em seu decorrer, ouvi choro de mais de duas mulheres. E era o trailer, PQP! Prevejo que como toda obra literária retratada na telona, “A Culpa” seja um enorme sucesso de público! Se assim como eu, você não sabe bem o que tava rolando, pega abaixo a sinopse da história:

Os adolescentes Hazel e Gus gostariam de ter uma vida normal. Alguns diriam que não nasceram com estrela, que o mundo deles é injusto. Os dois são novinhos, mas se o câncer do qual padecem ensinou alguma coisa, é que não há tempo para lamentações, pois, se aceitamos ou não, só existe o hoje e o agora. E assim, com a intenção de realizar o maior desejo de Hazel – conhecer seu escritor favorito – ambos cruzarão o Atlântico para uma aventura contra o tempo, tão catártico quanto devastador. Destino: Amsterdam, o lugar onde reside o enigmático e mal-humorado escritor – a única pessoa que talvez possa ajudar-lhes a encaixar as peças do enorme quebra-cabeça onde se encontram.

Atento a nova febre, o site BuzzFeed.com decidiu desafiar os protagonistas Shailene Woodley, Ansel Elgort e o autor da obra, John Green, a desenharem o que acreditam ser o amor. A atividade foi filmada e você confere aqui abaixo:

O longa “A Culpa é das Estrelas” chega aos cinemas nacionais 6 de Junho de 2014.

[FILMES] RIO 2: Confira o novo pôster da animação ambientada no Brasil!


Lembra da animação da arara azul que tinha medo de voar? Ela está de volta (E acompanhada)!

A história da arara Blu não encerrou no sucesso de bilheteria “Rio”, dirigido pelo brasileiro Carlos Saldanha. A ave, junto de sua namorada Jade, voltarão para o Rio e enfrentarão aventuras na Cidade Maravilhosa em pleno clima de Copa do Mundo. Abaixo você confere o novo pôster desta aventura com cenário brasileiro:

 O longa “Rio 2” chegará as telonas dia 28 de Março de 2014.

[CURIOSIDADES] 17 GIFs de como o Photoshop pode transformar celebridades!

Não é mistério para ninguém que há anos meios de comunicação dos mais diversos tipos utilizam de programas de manipulação de imagem para arrumar medidas físicas do fotografado (Seja aquele “inchaço no estômago” até uma espinha que decidiu dar as caras bem no dia da sessão de fotos). O programa mais utilizado para realização dessas manipulações é o Photoshop, mas programas mais simples (E gratuitos) chovem pelos quatro cantos da rede. Confesso que utilizo o programa em todas as fotos que publico, mas não altero medidas ou coisas “muito drásticas” (Uma espinha a toa não tem vez no meu PS!): Só alterno nuances, incluo filtros e substituo texturas para que a fotografia se destaque. Entretanto, muitas revistas e tabloides estrangeiros exageram a mão e transformam pessoas que posam para suas lentes. Abaixo você vê que a vida não é bem como uma capa de revista ninguém! Confira:

Antes E Depois: 17 GIFs Fascinantes De Photoshop
Antes E Depois: 17 GIFs Fascinantes De Photoshop

[SERIES] BROOKLYN NINE-NINE :: 1×01 – “Pilot”

Uma versão de “Loucademia de Polícia” dotada de previsível extrapolado.

Foi dada largada em mais uma Fall Season! Com ela, chovem episódios pilotos para os mais diversos gostos : Ação, drama, comédia e… besteirol. Conforme as promos foram distribuidas durante o ano, fiz uma relação de apostas para a temporada que acabou de chegar (Confira aqui) e já bate um sentimento “vergonhoso” em ter apostado num piloto tão sem-vergonha como foi o de BROOKLYN NINE-NINE.
 
A nova aposta da FOX é a comédia (Mais besteirol que qualquer outra coisa) que traz como protagonista o ex-SNL Andy Samberg no papel de Jake Peralta (Sério: Peralta), o melhor detetive do departamento de polícia do Brooklyn, que desvenda crimes através de seu jeito atrapalhado e impulsivo. Jake compete pela maior quantidade de resoluções criminosas com Rose e, logo no piloto, entrega que eles formarão casal no série. A detetive faz a linha séria, incorfomada pelo fato do cara resolver as situações “na cagada” enquanto ela se esforça pra fazer o certo, da melhor maneira possível.
O esquadrão passa por um momento de transação com a chegada Holt, o rígido novo capitão do time. Intolerante a brincadeiras e perda de tempo, Holt menciona no fim do episódio ser gay assumido, quebrando o estereótipo e entregando o único fator surpreendente até aqui. O resto dos personagens são definidamente protagonistas e escadas escancaradas para as piadas de Peralta. Cenas que valem o destaque são a do Sargento Terry (Pai do Chris em “Todo Mundo Odeia o Chris”, lembra?) atirando descontrolado num manequim e a do funcionário “politicamente correto” que derruba o bagel e pisa, em seguida, nele. De resto, nem a dança do robô salvou.
A verdade é que a série, aguardada como grande hit da temporada FOX-ana, peca pelos excessos: Excesso de piadas prontas, excesso de personagens de perfis “esgotados” em tantas outras séries, excesso de babaquice do protagonista (O ator só faz esse tipo de papel, dificultando comparações de atuação com papéis que destacassem seu – possível – talento, além do cômico) e o apoio excessivo dos coadjuvantes que assinam embaixo do comportamento imaturo do policial.  
SALDO FINAL: Apesar de não estar passando “por um dia difícil”, não consegui rir de uma piada deste piloto, diferentemente de outras que como 2 BROKE GIRLSTHE EXES e NEW GIRL, que me fazem rir sem sequer pensar! A série é bem amarrada visualmente e tem edição competente, mas é rasa e não funciona pra mim. Apesar disso, vou na melhor de três e dar até o terceiro episódio a chance da série se reerguer (Graças a essa “prática”, sobrevivi ao piloto medonho de CHICAGO FIRE e vi que a série tinha algo a apresentar). Se os roteiristas desta comédia pegarem de jeito para CRIAR (E não só copiar. Só pelo piloto, chega), a série pode garantir bom público e, quem sabe, uma renovação. Acredito que BROOKLYN NINE-NINE é o caso ame ou odeie. No meu caso, a segunda levou a melhor. Samberg: Mais duas chances!

Confira abaixo a promo da série:

[SÉRIES] Morre Cory Monteith, o Finn Hudson de GLEE!

O ator Cory Monteith (31) foi encontrado morto na madrugada deste sábado (13/07) num quarto de hotel de Vancouver. A autópsia está marcada para segunda-feira (15/07) e a causa da morte é desconhecida (Entretanto, overdose é uma forte possibilidade devido as passagens por clínicas de reabilitação que o ator submeteu-se nos últimos tempos).

O papel mais marcante da carreira de Cory foi o quarterback-vocalista Finn Hudson, no seriado “GLEE” (FOX). A série também lhe rendeu a namorada Lea Michelle, a Rachel do mesmo show. Até o momento, não houve nenhum pronunciamento por parte do elenco ou produção de Glee.

É uma pena ver gente tão nova e talentosa como Montheit partir tão cedo. Se for realmente comprovado que o motivo do óbito foi ocasionado por drogas, fica mais uma vez o alerta. Meus sentimentos aos familiares, amigos e fãs do ator.

[SERIES] THE GOODWIN GAMES : 1×02/03 – “Welcome Home, Goodwins” e “Small Town”

The Goodwin Games - Cabeçalho de Post

Jogo sem regras perde seus jogadores pelo caminho.

Fiquei muito animado pela promo inicial do seriado ano passado. Parecia que a FOX apresentaria a sua audiência uma versão de “New Girl” com os jogos entre irmãos de pano de fundo. Não podia estar mais enganado! O seriado beira o infantil (Só não é pelos protagonistas soltarem palavrões vez ou outra) e, sem zoeira, poderia facilmente entrar na programação dos canais Boomerang ou Disney XD na TV paga . O que é uma pena, já que o elenco é bom e transparece entrosamento.

No segundo episódio, os Goodwins recebem a missão de “cuidarem de si” enquanto dividem o mesmo teto. O Jimmy roubou equipamentos de esqui e sua trama se resumiu a escapar de situações que entregariam seu feito. Não teria hora pior para reencontrar um antigo amigo de escola, agora policial da cidade e namorado da ex de Henry. Não acompanho a carreira do Scott Foley mas lembro dele em personagens marcantes como o também Henry de “Grey’s Anatomy” ou, atualmente, o sargento Jake da excepcional “Scandal”. Uma característica clara sobre o cara é que ele arregaça em dramas e vacila GRANDE em comédias. O Henry será importante pra carreira do ator por ser seu primeiro protagonista, mas acredito também que será “a mancha” em seu currículo pela qualidade do personagem. Sério, é muito ruim. Quando ele grita “WHO ARE YOU?” pro Elijah a cada episódio fica evidente o desespero pela risada da audiência que, dificilmente, vem. De qualquer forma, nesse episódio Henry apresentaria sua noiva para a a ex, mas a noiva não aparece e o cara tem um ataque de ciumes por ver que a ex namora um idiota. Fechando os ciclos, a cidade odeia a Chloe por ela ter dificultado a vida de todos durante a escola. Logo, quando ela marca uma festa, ninguém aparece e a atriz percebe o quão fundo é o buraco que cavou. Ela tenta se desculpar em público e recebe rejeição em troca. Não mais que de repente, se dá conta que a única amiga que teve de verdade no colegial foi a japonesa que dá play nas fitas de seu pai. Ela se desculpa com a mulher e passa creme de queijo no cabelo em sinal de bandeira branca. No fim, Henry e Chloe devolvem os objetos roubados e Jimmy convoca as pessoa da cidade para a festa na casa dos Goodwin sob a promessa de bebida na faixa a noite inteira. Você que não viu o episódio e segue essa resenha, me responde: Parece ou não parece seriado da Disney!?

Já no terceiro episódio, Chloe e Jimmy percebem que terão que se adaptar a vida interiorana o quanto antes enquanto Henry se esconde das obrigações com os irmãos atrás de turnos contínuos no hospital. Falando em preocupação, neste capítulo Chloe deixa claro o quão se preocupa com o irmão caçula pelo fato de ser irresponsável e roubar coisas com frequência. Até no relógio de sua mãe que a irmã levava no pulso o cara passou a mão! A única justificativa dada é de estar ocupado com um projeto secreto. Desconfiada de não ser algo bom, Chloe tira Henry do hospital e eles descobrem, após ela ser informada de seu despejo em NY, o tal projeto secreto: Quando criança, Jimmy e o pai  do trio costumavam construir uma cidade miniatura que servia de cenário para um trenzinho passar. Com isso em mente, o cara decidiu reproduzir a cidade que fazia  com seu velho e incluiu bonecos para representar os habitantes da cidade, inclusive seus irmãos. A maquete e os bonecos são a abertura do seriado, por sinal. Outro fato relevante no episódio foi a busca de Chloe por uma academia de yoga que ensinavam movimentos bizarros como uma galinha ciscando… Com essa, deixo vocês “com gostinho de quero mais”! Hahahahaha.

[SERIES] Conheça os seriados MAIS LEGAIS que estrearão nessa Mid Season!

ATENÇÃO: Nesta relação não consta todas as estreias porque nem tudo vale a audiência.

Lá se vai mais uma fall season! Com ela, a mid season ocupa os televisores norte-americanos (E os nossos PC’s) com uma porção de estréia que valem a curiosidade para o episódio piloto, ao menos (Ou não). Fiz uma relação geral do que assisti e separei os programas que chamaram minha atenção! Abaixo, vocês conferem uma promo com breve descrição do que o seriado promete. Vamos por canais:

CW

THE TOMORROW PEOPLE

A história gira em torno de Steven, um cara que é uma espécie de mutante e provavelmente seus poderes “salvarão o dia”. Pela promo, é impossível não comparar TUDO com o maior sucesso do canal este ano, ARROW! Achei o efeito da bala sensacional! Se os episódios seguirem o que a promo do piloto promete, arrisco dizer que escreverei pra este aqui. O canal lançará também um spin-off de THE VAMPIRE DIARIES que terá o mesmo público da veterana e provavelmente vingará por isso. De resto, histórias sem noção alguma (Que dificilmente vingarão outra temporada)  invadirão as casas de quem sintonizar o canal em sua exibição!

CBS

HOSTAGES

Você gosta de seriados de ação? Não seriados do naipe de ARROW, mas uma coisa mais na pegada de HOMELAND, 24 HORAS e PERSON OF INTEREST? Então HOSTAGES será sua aposta nesta temporada. A história começa com a invasão da casa da médica do presidente dos EUA. Até aí, mera coincidência se não fosse o fato de que ela o operará em breve e todos os olhos do mundo estão sobre ela. Como pouca bosta é bobagem, os arrombadores, cientes disso, persuadirão a médica a não operar a autoridade em troca da vida de seu marido e dois filhos. Apesar de ter um enredo que promete prender o espectador semana a semana na frente da TV, não consigo imaginar vida longa ao show exatamente pelo tema. Pode soar como um filme extendido, algo assim. De qualquer forma, um seriado que trás no elenco pesos como Toni Colette (Daquele seriado das várias Tara’s), Dylan McDermott (American Horror Story) e Tate Donovan (The OC) merece um tratamento especial.

THE CRAZY ONES

Uma comédia com Robbin Williams é uma comédia que você vai rir. Ponto. Não sei o quão tonto eu acho esse cara, mas ele é demais! THE CRAZY ONES girará em torno da relação que Willians, dono de uma empresa e figurassa completamente fora de órbita, terá com sua filha centrada e metida a certinha interpretada pela eterna Buffy, Sarah Michelle Geller. Esse “behind the scenes” me fez rir pelo potencial do protagonista. Sinceramente, só algo grande esse tanto pra me fazer esquecer a decepção que foi admitir o cancelamento da ótima “Go On“! Para os fãs de música POP, vale lembrar que a Kelly Clarkson participa do episódio piloto cantando uma música sobre sexo. Acredito que essa vai ser renovada logo na estréia.

INTELLIGENCE

Aqui vai outro seriado de ação que merece a sua atenção: Josh Holloway (Lost) dará vida a um agente “secreto” submetido a uma experiência e “ganhou” um chip em seu corpo (Este, ligado diretamente a seu cérebro). Mais uma vez, o seriado ganhará o público pelos efeitos especiais quando o protagonista tentará resolver a situação e se fechará em gráficos e projeções digitais criadas em sua mente. Coisa de maluco competente! O elenco recebe os reforços da ex-CSI Las Vegas Marg Helgenberger e da ex-Chapeuzinho Vermelho de Once Upon A Time, Meghan Ory. Foi um dos “behind the scenes” de maior qualidade que vi pra esta temporada.

FOX

BROOKLYN NINE-NINE

Imagine o casamento entre a série NEW GIRL e os filmes LOUCADEMIA DE POLÍCIA… Imaginou? Ok. Agora acrescente a linguagem “docu-série” usada em PARKS & RECREATION. Foi? Me acompanhou até aqui? Bom… Essa mistureba é o máximo que cheguei pra definir essa comédia da FOX. Encabeçada pelo ex-SNL Andy Samberg, a série tem tudo pra ser idiota e non-sense mas, sabe-se lá, vou dar a chance dos 3 primeiros episódios. Vai que, né?

NBC

DRACULA

A história de DRACULA é algo desgastado, mas vou dar uma chance a esta série por quatro motivos: 1) Será assinada pelos produtores de DOWNTON ABBEY; 2)Dirigida pelo mesmo diretor de THE TUDORS; 3) Protagonizada pelo FODA Jonathan Rhys Meyers e 4) Passou da hora de uma série BOA sobre vampiros na TV, ok? Será um grande sucesso ou um grande fracasso. Sem meio termo.

WELCOME TO THE FAMILY

A NBC traz uma daquelas comédias “inofensivas e viciantes” na bagagem de sua mid season: WELCOME TO THE FAMILY trata com humor da delicada relação que as famílias de um casal adolescente que receberá a visita da cegonha antes que esperavam. É claro que os pais se odeiam, os filhos são duas bestas e as mães tentarão consertar as coisas piorando ainda mais. E, sinceramente, que assim seja.

ABC

MARVEL’S AGENTS OF S.H.I.E.L.D.

Um seriado sobre a Marvel, finalmente! Melhor: Um seriado DIGNO de Marvel! É um seriado dirigido pelo cara que trouxe “Os Vingadores” pras telonas e, WAIT FOR IT, O COLSON TÁ VIVO!! Vivo e protagonista do seriado, vale dizer. Ele guiará os “novos Vingadores” na resolução de casos apresentados a S.H.I.E.L.D. . Pelos efeitos especiais, já dá pra esperar coisa de excelente qualidade por aí (Só faltou a Robin de HOW I MET YOUR MOTHER voltar pro seriado ser extreme badass)!

MIXOLOGY

Seus dias de dúvida sobre qual seriado teria “competência” para substituir os recém cancelados HAPPY ENDINGS terminaram: A ABC encomendou esta comédia que é sobre amigos tentando se dar bem num bar. Não tem a pretensão de ser um grande show e te dar as melhores piadas, mas promete divertir com competência durante seus 20 e poucos minutos de exibição. Espero que mantenha o êxito da anterior (Apesar de não contar com isso). Um fator estranho vendido na promo é a chamada “1 Noite. 1 Temporada”: Se a temporada tiver 20 episódios, serão vinte episódios SOBRE A MESMA NOITE DO EPISÓDIO PILOTO!? No mínimo, frustrante interessante.

TROPHY WIFE

Antes de falar desta comédia, a primeira impressão que tive é que ESTA seria a série originada do cômico filme “PROFESSORA SEM CLASSE” (Com a Cameron Diaz). Não amigos, não é (Apesar da semelhança física das duas personagens). A história gira em torno do relacionamento da terceira mulher de um goldmember divorciado com os filhos e as ex-mulheres do cara. O fato dela ser inconsequente e virar cabeças eleva ainda mais o status da estréia. É esperar pra ver!

THE GOLDBERGS

Imagine os anos 80 de volta as telinhas em formato de sitcons na pegada de MARRIED WITH CHILDREN ou WHO’S THE BOSS… Pode parar e apertar play: A ABC acabou de concretizar! Esta comédia apresenta o dia a dia da família Goldberg. A promo é simples assim como a proposta do seriado e, exatamente por isso, acredito que ele tenha grandes chances de “pegar”. Digo mais: Junto de CRAZY ONES, aposto que esta será a comédia da temporada!

SUPER FUN NIGHT

Este ano, a aposta oficial do canal É em comédias! Encerrando a lista de apostas da nova leva, temos a gordinha-joselita Rebel Wilson (“Missão Madrinha de Casamento” e “A Escolha Perfeita”) levando suas outras duas amigas losers para uma noite de diversão (Como o próprio título promete). Como de costume nos roteiros da comediante, ela se dará mal da maneira mais cômica, passará vergonha descarada a cada episódio e fará a audiência sentir vergonha por gostar tanto de um seriado toscão! Fazer o que?

[SERIES] THE GOODWIN GAMES : 1×01 – “Pilot”

The Goodwin Games - Cabeçalho de Post

Get’cha head in the game!

Um dos seriados que tinha maior curiosidade de ver desde 2012 era “The Goodwin Games”. Não me entendam mal: A sinopse e promo entregavam que o seriado não nenhum marco e a história passaria longe de ser relevante, mas a criatividade da premissa me interessou de cara. O show começa quando Benjamin, o pai dos Goodwin, falece logo após encerrar a gravação de uma série de fitas (Aliás, por que fitas? Cadê a tecnologia na bagaça?) que mudarão as vidas de seus três filhos: O médico ambicioso e egocêntrico Henry, a modelo e atriz fútil Chloe e o ex-presidiário irresponsável Jimmy.

No enterro do pai, eles recebem um cartão de um “monge de laranja” escrito para comparecem no dia seguinte em determinado endereço para divisão de herança. Até aí, eles acreditam que o pai deve ter levantado uma quantia rasa para dividir entre o trio e vão ao encontro despreparados para a notícia que, na realidade, a herança do pai está estimada em 23 milhões de dólares. E mais: Somente um deles levará a bolada. Como? A partir de “missões e jogos” sugeridos pelo patriarca nas fitas gravadas, estas exibidas pela advogada do falecido. Lógico que o trio topa pagar o preço exigido para botar a mão na grana. De cara, o desafio é leve: Os Goodwin terão que jogar uma partida de tabuleiro de perguntas e respostas sobre… os Goodwin! A única especificação é que terão que jogá-la até o final. Quem nunca jogou um jogo de conhecimentos até o final? OS GOODWIN! E como previsto, eles brigam na metade do jogo e não chegam ao fim da partida, sobrando somente Chloe e o coadjuvante mais tosco da história dos seriados que ninguém sabe como foi parar na “competição”.

Ao comparecerem no dia seguinte ao escritório da advogada, Chloe avisa que venceu e a próxima fita de Benjamin diz que se eles não chegaram ao fim do jogo, ninguém venceu já que o intuito era uni-los após a partida do patriarca. Enquanto ele anuncia isso, Chloe se liga na mão do pai e percebe que o mesmo está se comunicando com ela por código Morse, indicando que algo a espera no sótão da casa dele. Logo que chegam em casa, Henry e Jimmy estão prontos para desistir da besteira que o pai propôs e retomar suas vidas quando Chloe toca uma “concha-berrante” após ler a mensagem de apoio que o pai lhe escreveu no andar de cima da casa. Ela pede para que os irmãos fiquem, não desistam da competição e joguem uma vez mais o jogo, desta vez até o final. Aí o trio vai para um bar e consegue finalmente finalizar uma partida de tabuleiro juntos. Não mais que do nada, surge o “monge de laranja” de novo e lhes entrega um novo cartão, escrito que uma foto durará mais o momento que acabaram de dividir. Por coincidência do roteiro/destino, uma cabine fotográfica tá bem na frente deles, OLHA SÓ! Eles correm pra dentro e um novo vídeo do pai aparece, dizendo que se quiserem continuar na disputa, a próxima fase do jogo exige que o trio volte a morar junto na casa em que cresceram, finalizando assim o episódio piloto.

SALDO FINAL: O episódio, apesar de simples e se ater a uma linha de edição bacana (Própria da FOX, aliás), tem poucas chances de causar riso ou ser comparado a prata da casa, “New Girl”. Espera-se que uma comédia seja engraçada, certo? Pois bem: Neste piloto, “The Goodwin Games” mostrou desatenção total a principal regra do manual de instruções. Quem ganha e quem perde? Só quem joga decide (Neste caso, a audiência ativa norte-americana).

Confira abaixo a promo do segundo episódio de “The Goodwin Games”:

[SERIES] RENOVOU ou CANCELOU? Descubra aqui o status de sua série preferida! [Atualização: 11/05]

Uma das maiores (E melhores) opções de programa de qualidade na TV hoje em dia são os seriados. Sou suspeito a falar já que abro mão da TV aberta por um enredo que me faça baixar temporadas e temporadas de uma boa história. Entretanto, quem acompanha seriados a algum tempo sabe que nem sempre aquela história que você A MAIS FODA DE TODAS é a que a audiência norte-americana abraça (Porque sim, meus camaradas: Assim como aqui no Brasil, se a atração não dá audiência o canal some com ela). Muitos são os casos de seriados terem sua exibição encerrada antes mesmo de apresentar ao público todos episódios gravados devido ao baixo rating.

Acompanho muitos seriados (Não só norte-americanos) e sempre procuro me informar de como anda a série pra saber se a assisto com um pé atrás (As vezes, dois) ou se abraço ela de vez! Com algumas, é inevitável que alguma das atitudes aconteça pela empatia/antipatia imediata mas o ideal é segurar a onda. Dado o título, esse post serve pra te deixar por dentro das renovações e cancelamentos no universo dos seriados. Vale lembrar que é uma relação em constante atualização, logo os seriados que não constam nela não receberam sinal verde (Ou vermelho) ainda! Conforme as informações são divulgadas, atualizo por aqui também! Para orientação geral colocarei o status do seriado por canal norte-americano que o exibe, tá certo? LET’S GO!

SÉRIES EM TEMPORADA FINAL

ABC:

Private Practice

CW:

Gossip Girl e 90210

FOX:

Fringe

NBC:

30 Rock e The Office

Os series finale deste ano foram, em suma, sentidos pelo público feminino. O seriado Fringe é um exemplo de que a força da audiência fora da televisão faz a diferença: A série deveria ser cancelada na temporada passada, mas tamanha foi a comoção online que os fãs garantiram seu retorno para uma temporada com desfecho significativo a quem acompanhou seus mistérios desde o episódio-piloto. Já o fenômeno pop (passageiro) Gossip Girl encerrou suas atividades ao revelar a identidade secreta da(o) fofoqueira(o) mais joselita(o) que qualquer roteirista já adaptou! Por fim, a veterana The Office manteve-se bons anos no ar mas a realidade é que ela “morreu” com a saída do protagonista Steve Carell a alguns anos atrás.

SÉRIES CANCELADAS

ABC: 

666 Park Avenue, Don’t Trust The B— In Apartment 23, Last Resort, Zero Hour, Happy Endings, Malibu Country, How to Live With Your Parents, Body of Proof e Red Widow

CBS:

Made In Jersey, Partners, CSI:NY, Vegas, Golden Boy e Rules of Engagement

CW:

Emily Owens M.D. e Cult

FOX:

The Mob Doctor e Ben & Kate 

HBO

Enlightened

NBC:

Go On, The New Normal, Animal Practice, Do No Harm, Up All Night, Withney, Guys With Kids, 1600 Penn e Smash

Oxygen:

The Glee Project

Syfy:

Alphas

TNT:

SouthLAnd, Monday Mornings e Leverage

Essa relação de cancelamentos soa irônica: Até aqui, muitas séries estreantes foram canceladas sem surpresa EXCETO a tão “aclamada pela crítica e público”, Smash e a melhor estréia da fall season Go On. De fato, a primeira temporada do seriado teve uma audiência de tremer na base qualquer que fosse seu concorrente no horário. Entretanto, o que a NBC não contava é que a audiência do musical dependia 100% do programa The Voice, exibido antes do seriado ir ao ar. A segunda temporada veio com a promessa de chutar novas bundas, mas só chutou a própria com uma audiência kamikaze sem o apoio do programa de Shakira e Adam Levine pra lhe adiantar alguma audiência. O canal fez o que pôde, mas não teve jeito. Quanto a Go On: É uma tristeza profunda esse cancelamento! Ressalvas a Emily Owens e ao seriado do macaco (Animal Practice) que, mesmo ruins, mereciam uma segunda temporada “prá constá”! Agora o resto, que vá pro inferno.

SÉRIES RENOVADAS

A&E:

Bates Motel

ABC:

Grey’s Anatomy, Nashville, Scandal, Revenge, Modern Family, Once Upon a Time, The Neighbors, Castle, The Middle e Suburgatory

ABC FAMILY:

Pretty Little Liars e Baby Daddy

AMC:

The Walking Dead e The Killing

BBC:

Sherlock e Ripper Street

CBS:

The Big Bang Theory, How I Met Your Mother, NCIS, Elementary, The Good Wife, Hawaii Five-0, The Mentalist, Mike & Molly, Blue Bloods, CSI: Las Vegas, 2 Broke Girls, NCIS: Los Angeles, Person Of Interest e Criminal Minds

CINEMAX:

Banshee

CW:

Arrow, Hart Of Dixie, Beauty and The Beast, Supernatural, The Vampire Diaries, The Carrie Diaries e Nikita

FOX:

Bones, New Girl, The Mindy Project, Raising Hope, The Following e Glee

FX:

Archer, American Horror Story, Justified, It’s Always Sunny In Philadelphia, Legit, The League e The Americans

HBO:

Game Of Thrones e Girls

HISTORY CHANNEL:

Vikings

ITB:

Downton Abbey

LIFETIME:

Drop Dead Diva

NBC:

Chicago Fire, Grimm, Parenthood, Law & Order: SVU, Revolution, Community e Parks & Recreation

SHOWTIME:

Dexter, Californicaton, House Of Lies e Shameless

SYFY:

Being Human, Lost Girl, Defiance e Continuum

TBS:

Cougar Town, Hot In Cleveland e Conan

TNT:

Dallas

Aqui é só alegria! Com certeza, algum seriado que você assiste já foi renovado! Dentre eles, vale algumas ressalvas: How I Met Your Mother e Dexter retornam para suas últimas temporadas (Grandes chances de Supernatural também); Game Of Thrones, que está na terceira temporada, já foi renovada até a quarta; Como espectador orgulhoso, fiquei amarradão pelas renovações de Arrow, Grey’s Anatomy, Game Of Thrones, 2 Broke Girls, Downton Abbey, Once Upon A Time…

E aí, o que achou das renovações e cancelamentos dessa temporada?

___________________________________________________

[Atualização 19/04]: O seriado GLEE (FOX) foi renovado por mais duas temporadas.

[Atualização 27/04]: Os seriados LAW & ORDER: SVU, PARENTHOOD, GRIMM (NBC) e HART OF DIXIE (CW) foram renovadas para suas respectivas temporadas e as novatas CHICAGO FIRE, REVOLUTION (NBC) e BEAUTY AND THE BEAST (CW) foram renovadas para uma segunda temporada.

[Atualização 01/05]: O seriado DALLAS (TNT) foi renovado para a terceira temporada.

[Atualização 10/05]: Os seriados PARKS & RECREATION (NBC), CRIMINAL MINDS (CBS) NIKITA e THE CARRIE DIARIES (CW) foram renovados para uma nova temporada. Já WITHNEY, GUYS WITH KIDS, 1600 PENN e UP ALL NIGHT (NBC) não tiveram a mesma sorte foram pro limbo.

[Atualização 11/05]: Os seriados COMMUNITY (NBC), DEFIANCE (SYFY), BURN NOTICE (USA), GREY’S ANATOMY, ONCE UPON A TIME, SCANDAL, REVENGE, NASHVILLE, MODERN FAMILY, THE NEIGHBORS, THE MIDDLE, CASTLE e SUBURGATORY (ABC) foram renovados e SOUTHLAND, MONDAY MORNINGS (TNT), VEGAS, GOLDEN BOY, RULES OF ENGAGEMENT (CBS), SMASH, THE NEW NORMAL, GO ON (NBC), HAPPY ENDINGS, MALIBU COUNTRY, HOW TO LIVE WITH YOUR PARENTS, RED WIDOW E BODY OF PROOF (ABC) despedem-se dos fãs e abrem um belo espaço na grade de programação (Principalmente da ABC)!

[SÉRIES] The Finder :: 1×02 – Bullets

O episódio desta semana de “The Finder” chega com uma grande história: Ex-carcereiro procura Walter (Stults) afim de provar que um prisioneiro no corredor da morte é inocente em um assassinato. O “grande” da história se deve ao crime ter acontecido a 20 anos atrás numa floresta que já não existe mais!

A prova que inocentará o até então culpado são 2 balas de .37 , disparadas no ato do crime e que nunca foram encontradas. Walter e sua trupe investigam o caso e descobrem que, por mais que o tempo tenha passado, uma das balas “continua por aí”. Vale destacar o momento que o investigador decifra o caso com uma trilha sonora que chega a ser irônica.

Durante o caso, o episódio recebeu o primeiro personagem do seriado que foi originado (“Bones“): Dr. Sweets (John Francis) é o psiquiatra designado para analisar a mentalidade paranóica de Walter e o responsável pelas cenas mais legais do episódio. Os criadores da série prometem trazer outros personagens do seriado para fazer os famosos crossovers.

No universo paralelo, Willa (Hisson) se encanta por um jovem milionário e após uma partida de vôlei de praia, rouba o carro de uma menina que debochou da rebelde. Como confusão pouca é besteira, o cara vê ela roubando o carro e… ENTRA DENTRO! Ainda neste episódio, a história dela em nada cruzou com o caso.

Assim, “The Finder” traz ao público mais um episódio com boas cenas de ação e uma história muito bem amarrada. Go Walter, Go!!

[SÉRIES] The Finder :: 1×01 – “An Orphan Walks Into A Bar”

Imagine você encontrar pessoas e coisas que a muito tempo se perderam… Quando digo muito tempo, quero dizer MUITO tempo (Jogue anos nessa sentença). As vezes o que se procura não existe mais, mas como bem sabemos “tudo deixa fragmentos”. Seguindo essa linha de raciocínio ao extremo, chegamos ao novo seriado da FOX: “The Finder“.

A série spin-off (originada de) “Bones” apresenta o vôo solo de Walter Sherman (Geoff Stults), uma espécie de “encontra tudo” de métodos bem peculiares (Abraçado por casos mais peculiares ainda!). Acompanhado pelo advogado “3×4” Leo  (Michael Clarke Duncan) e pela bela agente federal Isabel (Mercedes Masohn), a trama que se passa na Flórida já mostra a que veio no episódio: Procurado pelo filho de um oficial misteriosamente desaparecido, Walter e sua “equipe” terão de encontrar o desaparecido e sanar a dúvida do primogênito aflito. Entretanto, ao aceitar o caso, nosso “acha-tudo” já deixa claro: Ele irá encontrar a verdade sobre o que procura e, nem sempre, isso é bom.

Um personagem que não tem ligação com os casos de Walter e parece viver num universo “badass” próprio é a rebelde Willa (Maddie Hisson), jovem que que cumpre liberdade condicional sobre a vista do protagonista. Neste piloto, ela demonstra que não se adapta ao local e pretende dar o fora o quanto antes para continuar roubando mas…((SPOILER)) Ao fim do episódio ela percebe que é capaz de tolerar um pouco mais sua atual situação e decidi não fugir (Por enquanto).

A graça do seriado se deve a forma que Walter encontra o que quiser. Ponto. O cara utiliza de métodos nada ortodoxos e leva cada caso as últimas consequências. Como o mesmo diz “Sempre ache tudo. Se não achar, morra tentando”. Acredito não ter a expertise de saber quais seriados garantem temporada completa após sua estréia, mas ficaria feliz da vida caso este aqui vingasse. A história base é consistente, com casos interessantes e personagens muito consistentes. Veja abaixo a promo de lançamento do seriado:

Vale lembrar que a primeira temporada já tem 13 episódios encomendados, ao menos. Se continuar a manter a audiência satisfatória que adquiriu, poderá ser extendida. Espero que a série “encontre” um jeito de se manter por várias temporadas. Fã já tem.